Chat da Rádio Municipalista Brasil

Rádio Municipalista Brasil

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Me deixe...

Me deixe te amar,ainda que não me ames,me deixe te amar,ainda que nem meu nome chames,me deixe te amar.
Me deixe te amar,estando aqui do lado,me achando exagerado,ou estando alem do mar.
Me deixe te amar,sonhar com seu labios,seu sorriso encantador,me perdendo em seu olhar,
Me deixe te amar,iluminar minha alma, elevar o meu eu ,transbordar meu coração
Me deixe te amar,não duvides de meu sentimento,não é só encantamento,é amor,não é paixão
Me deixe viver,pensar tambem que me quer,que será minha mulher,maravilha ou não.
Me deixe acreditar,que tambem te emociono,te faço sentir algo que faz vibrar o coração.
Me deixe escrever seu nome,bem no fundo do meu ser,ter sua imagem linda,na minha cabeça ainda,desde o amanhecer.
Me deixe pegar seu retrato,emoldurar de corações,imprimir nele emoçoes,mostrar que o que sinto de fato,supera todas minhas paixões.
Me deixe ao menos seu cheiro,colado em meu travesseiro,para impregnar em mim,para que eu sinta outra noite,mesmo que a solidão açoite,que eu tive voce enfim.
Ah!minha amada,minha muza adorada,me deixe eternizá-la,quero sempre te amar,te querer te desejar,enfim sempre adorá-la

Celio Rheis

10 comentários:

dilita disse...

Adorei bjss

Isabelsouza disse...

Muito bela.... amei!

carmen disse...

quem nao sonha com um amor assim...

Rayo Lunnar disse...

SIMPLESMENTE AMOR!!!

Você é inevitável, viver sem ti é quase como não respirar,
Cheguei aos limites do seu coração, mas não entrei, tive receios do que poderia encontrar.
Eu sou o seu amor clandestino, eu sou o vento sem destino, que te sopra o rosto, E do teu suor sente o gosto, mesmo sem ti tocar, meu amor clandestino, no silencio, na dor, cai sobre nós as energias do céu, as nuvens nos envolvem como um véu,
Mas dói não poder gritar o teu nome com toda a liberdade,e me contenho tendo que me calar,
Chorando em silêncio, mal dizendo a tua ausência,
Faz tanto tempo que te aguardo com esperança, Amor ainda te tenho na lembrança,de muitas vidas atrás,
Sou uma sonhadora clandestina, uma mulher com alma de menina,
Cigano,tu me fascinas, meu amor sejas bem vindo,
Simplesmente amor!!!

Beth vianna.

patuska disse...

Fiquei sem palavras......
M emocionei....
Magnifico!!!!!

Celio Rheis disse...

Magnifica e a emoção que voces todas me causam com a presença aqui

veralufaraldo disse...

My God!!!!amor dos deuses....arrepiei..mas também tenho uma...Eu tenho tanto pra te dar: um beijo em liberdade,um abraço pela noite e um conto que te faça sonhar...

Marlene Camargo disse...

o amor... sempre o amor...amo o amor...é facil falar dele... lindo texto...

dhily my love disse...

BELAS POESIAS, ULTIMAMENTE VOCÊ ESTA MAIS INSPIRADO, GOSTEI MUITO. BEIJOSS

marlene cavalcante disse...

Amor este sentimento único e indispensável, que penetra no coração e transborda na alma e se revela pelo olhar... Como é gostoso senti-lo, isso nos mostra que estamos vivos! Eu amo amar... bjs