Chat da Rádio Municipalista Brasil

Rádio Municipalista Brasil

terça-feira, 3 de abril de 2012

Quando voce se foi

Quando voce se foi
Quando voce se foi..quando me abandonou,quando viu o horizonte, bateu asas e voou.
Meu olhar entristeceu,meu sorriso se apagou,as lágrimas desceram e este poeta chorou.
Foram horas,foram meses,foram semanas,dias, as palavras se calaram não formavam poesias.
Embora vivo o corpo de maneira até presente, a alma estava distante, desconexa, ausente.
Agora tão derepente, de uma forma reluzente,voce chega tão formosa me fazendo contente.
Meu coração acordou,meu olhar se ascendeu,minha alma aqueceu,enfim voce voltou.
Aprendi minha querida com lição tão dolorida, só se prende alguem se a deixa livre na vida.
Voce veio com suas asas..É isso que me consola,sempre a deixarei livre, não fecharei a gaiola.

Celio Rheis

4 comentários:

Sinval Santos da Silveira disse...

Maravilhoso poema! Parabens!

abraço
Sinval

Rita Campanholi disse...

adorei seu poema parabens anjo abençoado

FLOR disse...

HERMOSO POEMA,MIS RESPETOS QUERIDO CELIO.

Celio Rheis-O Poeta do Amor disse...

Obrigado queridos amigos,desculpem a demora,Voce amigo Sinval é muito bom ter um comentario seu,voce Rita querida amiga é muito bom ter voce aqui y tu hermosa amiga Flor,es un placer imenso tener su comentario,abrazos