Chat da Rádio Municipalista Brasil

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Sempre a sua disposição informações importantes

Ate informações do sol voce pode ver agora no nosso cantinho

utilidade pública no cantinho do poeta

Agora voce pode alem de conversar no nosso chat,tambem poderá ver em nosso blog a previsão de tempo em jacarei para a semana toda e as condições do mar em Caraguá veja www.poeta58.blogspot.com

Na luz do seu amor

Na luz do seu amor,construí meu castelo encantado,estruturei minha vida vivendo feliz a seu lado. Sentindo sua energia me tornei homem de aço,bebendo dos seus beijos,me embalando em seus braços. Meus sonhos,perspectivas,busca de felicidade,como seu amor e carinho tornaram-se realidade. Tu és mulher,és real,não é miragem ou encantamento,cheia de dons divinos mas puro sentimento. Te busquei por longos anos,por caminhos tortuosos,poisa sabia que me daria momentos deliciosos. Valeu apena menina,valeu apena cigana,minha andança secular,ano a ano,mês a mês,semana a semana. Nosso amor,nossa história permeiam tempos e lugares,de transcendência total universais e seculares Mesmo quando este planeta for destruído,perecer,nosso amor bravamente ainda irá sobreviver. Porque isto somos nós não há o eu ou voce. Na luz do seu amor,cresceu o meu amor,esta soma sagrada,resultou o nosso amor. Celio Rheis

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Permita-se e não permita-se

Permita-se amar,sera amado,sorrir ser iluminado,andar para afrente nunca retroceder ou estagnar. Ah!Mas eu estou cansado de viver de não ter condições para nada,nem ter casa pra morar. Não permita-se ser subjulgado,humilhado que retirem de ti a fé e força para lutar Ah!Mas os governantes colocam Fluor na água,para deturpar minha pineal e eu não poder pensar. Sim procuram de todas as formas de deter,impedir para que não possa entender e se libertar. Mas a fé?Não es capaz de ter fé em Deus,ser superior,em você mesmo?Vamos podes julo quebrar. Mas eu não posso,não sou capaz tenho minhas limitações prendendo meus pés e mão. Permita-se ser o filho de Deus e não perecerá perante os agentes do mal,ante a escuridão. Permita-se e não permita-se.. Celio Rheis

Medidor de velicidade

Agora alem de poder ler as poesias,novidades em nosso blog voce pode tambem medir a velocidade de sua internet. E em breve um lançamento novo o romance A Abduzida está está pronto,basta algumas revisões e irá para editora,em breve.

sábado, 4 de janeiro de 2014

Somos hoje e sempre

Ontem eu queria ser,queria fazer e acontecer,mas ser não conseguia,fazer nada fazia e nada acontecia,porque eu não tinha voce. Hoje eu poço e faço,grito,trabalho evoluo até carrego voce nos braços,voce me dá poder,me faz ser e acontecer. Se ontem eu era apenas um menino,um pobre sonhador,vagueando por caminhos incertos por matas ou desertos sempre em busca do amor. Hoje sou um homem,um imenso gigante,seu cigano afoito,seu insaciável amante,escrevo,grito falo de amor a toda hora todo instante. Sou forte,posso buscar a lua se for preciso,posso delirar ate perder o juiso,mas consigo te levar aos céus ao paraiso. Sou louco?Claro loucura por amor é pouco,se acordado te amo,se dormindo em sonhos te chamo,estamos sintonizados vinte e quatro horas,porque nos amamos. No futuro,ainda longe bem longe no futuro,haja frio,calor esteja claro ou escuro,nosso amor será sempre nosso porto seguro. Porque somos assim se sou tudo para voce,es tambem tudo para mim,se és a rosa eu sou o cravo ou jasmim. Celio Rheis

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Em ritmo acelerado em A Abduzida...aguardem poucos dias

Estamos em ritmo acelerado no livro da abduzida media de dez a quinze páginas por dia,pretendemos publicá-lo e lançá-lo em poucos dias. Aguardem romance imperdível,quem gosta do gênero,não vai se decepcionar Palavras de minha musa que lê cada página escrita todos os dias. Celio Rheis

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Pequena apresentação do livro A Abduzida que ainda setá sendo escrito

A abduzida é uma estória baseada em histórias e recheada de fantasias,porem sem ser ficção impossivel de existir. Trata-se de uma menina raptada aos 13 anos para ser escrava sexual,por seu próprio padastro. O nome abduzida é referente á forma com que ele arma tudo para o sequestro,envolve muita gente,ate seu sobrinho que acaba sendo um o herói que possibilitará o salvamento dela sem que se consuma o estupro. Haverá muita ação,muito suspense,bastante emoção neste romance... Celio Rheis