Chat da Rádio Municipalista Brasil

Rádio Municipalista Brasil

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Minha sereia

Porque?Tem que ser assim?Voce longe de mim?Eu sei que ontem te amei,sei que ontem te vi,mas porque tem que ser assim?Tudo é assim na vida?Minha doce minha querida?Porque não viver a vida?
É lindo olhar a lua,sentindo emoção,segurando em sua mão,no pulsar do coração,sangue correndo nas veias,neste grande mar da vida,voce é minha sereia,sereia que encanta,canta com doce voz,transformando em poesia,tudo que ha em nós.
Oh!ser angelical,com corpo carnal,que me faz ir ao umbral,ou mesmo ao paraiso,quando vejo sua cauda,suave aveludada,me deixa a cabeça zuada,porque perco o juizo.
Oh! mulher maravilha,explendorosa Deusa da beleza,fenomeno da natureza que Deus me enviou,faz de mim seu criado,desde que seja amado,tambem te cubro de amor.
Não te furtes ao sentimento,sinta o encantamento,deste bem celestial,o amor puro,gostoso,sentimento colossal,sois sereia magetosa,em cujo mar navego,já que me encantou,receba o amor que te entreg.
Minha nau esta a deriva,precisa de sua intervenção,socorra minha nau,resgate meu coração,esse saveiro sem leme,navegando sem direção,quer ancorar no seu peito,despertar uma paixão.
Vamos anorar juntos?Buscar um porto seguro?Vamosa braçar odestino,somar nossos futuros?Venha rolara comigo na areia minha sereia
CelioRheis 28/11/2011-22:53

2 comentários:

dhily my love disse...

e maravilhosa marujo poeta, parabéns, você é um ser iluminado, uma cabeça recheada de amor fantasias e muita imaginação. beijo

Anonima disse...

''RECOMEÇO'''


De fato,o que sempre quis
Foi ser somente sua mulher;
Masnão passo de uma aprendiz
Se vês em mim uma qualquer...
Gostaria que tu descobrisses
O valor de um amor tãi raro
Muito antes que partisse
Em busca de um anparo...
Um amparo pra tanto amor
Que aumenta segundo a segundo
Com o peso de tanta dor
Que sofro por ti,neste mundo.
Por que teimas em ferir
Com ironia e ingratidão
Ao invés de vires aderir
Teu coração ao meu coração?...
Mas te apresses,porque
Deste amor só existe um só
Reservado so´pra você
Detido,amarrado em um nó...
Não te mGOES ASSIM COMIGO!
Eu tenho por ti grande apreço
Faças então,de mim,teu abrigo!
Faças em mim teu recomeço.