Chat da Rádio Municipalista Brasil

Rádio Municipalista Brasil

domingo, 4 de janeiro de 2015

Me empresta o piruzinho?

As coisas que me acontecem ás vezes parecem feitas por encomenda ou ensaiadas para me surpreender. Certa vez na cidade de Joinville SC quando eu fazia uma instalação de um sistema wi-fi na casa de uma cliente,descobri que não dava para instalar o aparelho no quarto dela como queria. Aṕos fazer todos os testes na tubulação,tentar com a guia passa-fio de um lado para outro constatei que só conseguiria entrar com o cabo de rede até a sala dela,ela achava que feria a estica de seu ambiente social. Mas quando ela percebia tanto esforço,eu disse: _ não vai dar para ir até o quarto só poderei deixar o aparelho aqui na sala. Ela me responde: _Pois agora.Não entendi a expressão,repeti:_Não vai dar para instalar no quarto. Ela repete:_Pois agora. Depois de umas três repetições desta frase,compreendi que "pois agora"na linguagem local deveria significar "fazer o que",desta forma me autorizando fazer o serviço como era possível. Ontem aqui na minha rua,uma vizinha olha para mi lá de seu portão que fica umas três casas abaixo e grita: _Voce tem um piruzinho ai para me emprestar? Pensei rápido,meu Deus e agora?O que é piruzinho?Tenho o não tenho? Antes mesmo de descobrir o que era o tal piruzinho,eu respondi com a cabeça negativamente,nem quis saber do que se tratava. Depois de algum tempo,foi que lembrei que já havia ouvido alguem falar isso,rebobinei a fita de meu cérebro e lembrei que piruzinho é carrinho de mão,carriola. É isso são expressões que fazem rica nossa lingua Portuguesa Brasileira,tenho certeza que por este nosso país continental,chamado Brasil existem inúmeras expressões diferente de um estado para outro. Assim com a erva de Santa Maria que conhecemos no sul e sudeste,lá para o nordeste e norte a chamam de mastruz,nome parecido com nosso mentruz que é uma planta totalmente diferente. Celio Rheis

Nenhum comentário: